Isoflavonas

Além de potentes atividades na redução dos sintomas da menopausa e prevenção do câncer de mama, as isoflavonas possuem características que indicam sua atuação direta na diminuição do colesterol ruim ( LDL) no organismo e contribuem para diminuição dos riscos de doenças cardiovasculares.

As isoflavonas são substâncias encontradas na soja que possuem a característica de reduzir os sintomas causados pela menopausa e prevenir cânceres como o de mama, sendo imunoestimulantes e antioxidantes. Estudos recentes apontam que as isoflavonas podem aumentar a quantidade de cálcio nos ossos e prevenir a osteoporose.

A atividade das isoflavonas é semelhante a de hormônios femininos, principalmente a genisteína e o daidzeína, considerados vitais para a saúde da mulher. Além disso, existem evidências que indicam que as isoflavonas podem aumentar a densidade óssea e reduzir o colesterol. 

Inicialmente devem ser ingeridos de 40 a 160 mg por dia. Após duas semanas de tratamento, diminuir a dose de forma gradativa até se atingir a dose mínima eficaz, que suprima os sintomas da menopausa. Usualmente a dosagem de manutenção varia entre 40 a 50 mg de isoflavonas por dia.

Open chat
1
Olá! Podemos Ajudar?